início do conteúdo

PRODIN realiza reunião com comisão central para iniciar trabalhos do PDI

Publicado em: Reitoria / 13 de Junho de 2018 às 13:14

O pró-reitor de Desenvolvimento Institucional do IFMT, João Germano Rosinke coordenou, nesta terça-feira (12), a primeira reunião abrindo os trabalhos de elaboração do Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI 2019/2023). Participaram da reunião, no auditório da Reitoria, membros da comissão central, formada por representantes das pró-reitorias e diretorias sistêmicas. As discussões serão aprofundadas no Seminário de Planejamento Estratégico, que acontece nos dias 19 e 20 de junho, no Hotel Fazenda Mato Grosso, em Cuiabá, com participação da comissão central e das comissões representantes de todos os 19 campi.

“Esta foi a primeira reunião da comissão central para alinhar os preparativos do seminário. O objetivo é conduzir o processo diagnóstico, que é uma leitura da direção para onde o nosso servidor, aluno e a comunidade querem que a gente caminhe, para identificar os temas institucionalmente mais relevantes neste momento, projetando para os próximos cinco anos”, explicou o pró-reitor.

Durante o seminário, os integrantes das comissões dos campi serão capacitados e munidos de documentos para executar o trabalho com a comunidade do seu campus. “Apesar de ser um número reduzido de servidores eles serão os responsáveis por ampliar esse debate, fazer com que cada aluno e servidor consiga participar, dar sua opinião, ser ouvido e que a gente tome as decisões de maneira conjunta”, afirmou João Germano.

A equipe da Prodin fará a condução dos trabalhos, junto com o reitor, para que no final de todo o processo seja elaborado um documento que sirva de ferramenta para a gestão, contendo as prioridades para o período.

“Quando falamos em prioridades precisamos nos lembrar que a instituição não se resume a orçamento e número de vagas. Temos políticas e ações de permanência e êxito, de acesso dos alunos à instituição, questões relacionadas à pesquisa, pós-graduação, extensão, educação a distância, relações internacionais, gestão de pessoas. A instituição é bastante complexa em termos de organização, daí a necessidade de ampliação do debate”, justificou.

Cronograma – Depois do seminário as comissões voltam para os seus campi de origem e terão um prazo de cerca de 60 dias para a fase de diagnóstico: promover a aplicação dos questionários, fazer reuniões com os servidores e alunos, pais de alunos, representantes dos diferentes setores público e privado, áreas cultural, educacional, arranjos produtivos, e realizarem audiências públicas. Ao final desse trabalho a equipe da Prodin fará o fechamento, montando o documento final, o diagnóstico do campus, para que sejam definidos, em nível de gestão, os objetivos e metas institucionais. Em seguida inicia a fase de elaboração do mapa estratégico e definição de indicadores, pelos pró-reitores e diretores sistêmicos, via Codir, no mês de setembro. Em outubro será o período reservado à escrita do documento que, então, será submetido à consulta pública no site para que as pessoas ainda consigam contribuir para essa versão final. O documento pronto será submetido, em novembro, à análise e aprovação do Conselho Superior da instituição.

Marcadores: ifmt_1

início do rodapé

Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Avenida Sen. Filinto Müller, 953 - Bairro: Duque de Caxias - CEP: 78043-400

Telefone: (65) 3616-4100

Cuiabá/MT